Connect with us

Dicas e Guias

10 alimentos que ajudam a aumentar a potência – tanto em homens como em mulheres!

Publicado

em

Muita gente não acredita no poder dos alimentos considerados afrodisíacos.

No entanto, não foi por acaso que Hipócrares disse “Fazei do alimento o vosso remédio” –  foi com toda a sabedoria do sábio considerado o pai da medicina.

Enfim, a alimentação influencia sim em todos os processos do organismo – inclusive nos quesitos vigor e desejo.

A lista a seguir apresenta uma relação de dez alimentos que melhoram a performance.

O consumo regular desses alimentos, numa dieta sem excesso de gordura e álcool, além do total afastamento de vícios como o cigarro,  pode melhorar muito a energia e o vigor.

Experimente e verá.

1 – Amêndoas

O número 1 da lista são as amêndoas, consideradas o símbolo da fertilidade.

Elas são ricas em minerais como o zinco e o selênio e na vitamina E, que contribuem para o vigor e para a fertilidade.

A ingestão regular de amêndoas aumenta os níveis do hormônio masculino.

2 – Aspargos

Infelizmente os aspargos são legumes caros.

Mas, se puder, vale gastar um pouco mais, pois se trata de um dos melhores alimentos para elevar o vigor.

O ingrediente-chave no legume é o folato, substância que ajuda na produção de histamina, responsável pelo desejo.

Um nível adequado de histamina é essencial se você quer ter uma vida ativa.

3 – Vegetais verdes

As folhas verdes, como rúcula, brócolis, acelga e couve, são ricas em minerais como magnésio e cálcio, que são facilmente absorvidos pelo nosso organismo.

Esses minerais purificam o sangue, fazendo-o fluir facilmente por todas as partes do corpo e isso resulta em um melhor desempenho.

4 – Banana

Bananas sempre foram conhecidas por melhorar a performance, pois são ricas em potássio, peça-chave na força muscular.

Durante o ato, os músculos se contraem constantemente.

Portanto músculos fortes são necessários para um desempenho melhor.

5 – Chocolate amargo

 

O chocolate amargo é uma ótima opção para melhorar o desejo.

Com pelo menos 70% de cacau, o chocolate tem um estimulante chamado feniletilamina, substância que libera as mesmas endorfinas que são liberadas pelo corpo durante o sexo.

6 – Maca-peruana

A maca é uma das plantas medicinais mais poderosas do mundo.

Originária do Peru, é um forte estimulante do desejo.

Ela regula os hormônios tanto nos homens como nas mulheres, melhora a função e também contribui para a saúde como um todo.

Geralmente consumida em pó, ela pode ser adicionada a sucos, vitaminas e sobremesas, garantindo um melhor sabor.

7 – Morango e outras frutas

O morango contém altos níveis de ácido fólico, responsável por manter as artérias desobstruídas e limpas, e um fluxo de sangue adequado é importante para melhorar a performance.

Esta fruta também possui antioxidantes que fazem muito bem à saúde.

O morango, infelizmente, é uma das culturas mais intoxicadas por pesticidas.

Por isso, se possível, procure consumir morangos orgânicos.

8 – Semente de abóbora

As sementes de abóbora são ricas em zinco, também conhecido como “mineral do sexo”.

O zinco é um elemento essencial para a produção de testosterona.

Ou seja, quando você come sementes de abóbora regularmente, o seu nível de testosterona aumenta.

É recomendado consumir as ostras cruas e frescas e sementes como de abóbora.

9 – Aipo

O aipo ajuda o seu corpo a produzir androsterona, um hormônio que é liberado pelo suor masculino – a mulher respira o ar com esse hormônio e sua vontade aumenta.

10 – Melancia

A melancia aumenta os níveis de um aminoácido chamado l-arginina, que é usado em tratamentos para disfunção erétil.

 

Continue Lendo
Clique Para Comentar

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Dicas e Guias

18 comportamentos de pessoas com inteligência emocional elevada

Publicado

em

Cada pessoa traz em si programas biológicos de ação e reação automáticos. Porém, o meio em que vivemos, nossa cultura local e experiências de vida, vão moldando nossa bagagem biológica para definir nossas respostas e manifestações diante dos estímulos emocionais com que nos deparamos.Algumas pessoas têm alta capacidade de lidar com as emoções e sentimentos sejam seus ou dos outros – mesmo diante de situações desafiadoras, de ansiedade ou estresse. Essa capacidade de lidar bem (ou não) com as emoções pode ser medida e é chamada de inteligência emocional (QE). As pessoas que tem o QE elevado costumam ter comportamentos diferenciados e mais chances de sucesso em empreendimentos.

Veja abaixo quais são esses comportamentos:

1. Amplo vocabulário emocional

Muitas pessoas quando passam por algum problema com suas emoções, apenas expressam que estão se sentindo “mal” ou com um “nó no peito”. Já as pessoas emocionalmente inteligentes podem identificar especificamente como se sentem, “irritados”, “frustrados”, “oprimidos”, ou “ansiosos.”


2. Curiosidade a respeito de pessoas

A vida dos outros e como eles se sentem é importante para a pessoa que tem QE elevado. Um dos sinais marcantes é a empatia. Quanto mais você se preocupa com os outros, mais curiosidade terá sobre eles.


3. Fácil adaptação

As pessoas de alto QE, não se desesperam com as mudanças. Elas sabem que mudanças são necessárias às vezes e estão dispostas a se adaptarem. São flexíveis e sabem que rotinas desgastantes e medo de mudanças são paralisantes.


4. Autoconhecimento

Conhecer seus pontos fortes e suas fraquezas e utilizá-los para seu pleno desenvolvimento é outro comportamento comum de pessoas com inteligência emocional alta. Elas compreendem as próprias emoções e sabem em que são boas e em que são ruins.


5. Senso de julgamento

A inteligência emocional está muito ligada à consciência social. Envolve a capacidade de ver o outro e fazer um julgamento correto sobre seu caráter; é quase uma capacidade de “ler” as outras pessoas. O inteligente emocional compreende seus problemas e motivações, ainda que não sejam aparentes.


6. Autoconfiança

A pessoa que consegue rir de si mesmo, que não se ofende com brincadeiras e até mesmo críticas – pois tem autoconfiança – é uma pessoa emocionalmente bem-dotada. Além disso, os limites entre humor e degradação estão bem claros para ela.


7. Sabem dizer “não”

Tanto a si mesma quanto aos outros. Uma pesquisa da Universidade da Califórnia, concluiu que não saber dizer “não” causa estresse, esgotamento e até depressão. Saber dizer não a si mesmo, adiar a própria gratificação ou exercer autocontrole é característico do QE alto. Dizer “não” aos outros, pode ser libertador. Quando você diz não a um compromisso, isso lhe permite cumprir os que já assumiu e cumpri-los com êxito, já que não há sobrecarga nem pressa.


8. Mudam a si mesmas

Outra característica comum à inteligência emocional alta é a capacidade de ver os próprios erros, corrigi-los ou abandoná-los. Não significa esquecer seus erros, pois se aprende com eles, mas não cometer os mesmos erros novamente.


9. Não são interesseiras

Não dão algo esperando outro em troca. Seus relacionamentos são firmes, porque se preocupam com os outros.


10. Não guardam ressentimentos

Pesquisadores da Universidade Emory demonstraram que guardar rancor faz a pressão arterial subir e causar problemas cardíacos. As pessoas emocionalmente inteligentes sabem que devem evitar a todo o custo.


11. Lidam bem com pessoas

Até mesmo com as chamadas “tóxicas”. Elas identificam as próprias emoções e não se deixam afetar pelo confronto. Mesmo em situações de enfrentamento conseguem encontrar soluções e um ponto em comum.


12. Não são perfeccionistas

Sabem que a perfeição não existe e não perdem tempo procurando por ela. Sabem também que buscar a perfeição que não existe, lhes deixará sempre com a sensação de fracasso e tira seu ânimo para avançar.


13. Apreciam o que têm

Uma pesquisa conduzida na Universidade da Califórnia descobriu que as pessoas que buscam diariamente cultivar uma atitude de gratidão notam melhora do humor, energia e bem-estar físico através da redução do cortisol.


14. Descansam

A qualquer custo. Não negligenciam seu tempo “off-line”, pois sabem que é fundamental para enfrentar a rotina e ter boa saúde.


15. Limitam a cafeína

Cafeína é um estimulante cerebral útil se você precisa de uma resposta do tipo: fugir ou lutar? O que é ótimo, se você está diante de um rinoceronte, mas totalmente desnecessário se for para responder a um e-mail. Indivíduos de alto QE sabem que a cafeína é um problema e não se deixam escravizar por ela. Nem por qualquer outra substância ou hábito.


16. Sono adequado

Pessoas com alto QE são assim por justamente dormirem o necessário. O sono recarrega o cérebro e limpa as memórias desnecessárias do dia através do sonho e armazena as necessárias. Seu cérebro fica alerta e “afiado”. Por isso, sono para pessoas assim é prioridade.


17. Não ruminam pensamentos negativos

Sabem que pensamentos negativos são apenas isso: pensamentos. Sabem que a maioria dos nossos medos jamais acontece. Por isso, se livram dos pensamentos negativos e se movem a uma perspectiva mais positiva.


18. Não se comparam

Sua autoestima é forte. Pelo autoconhecimento e a autoconfiança já citados, não se abalam com comentários alheios e não se comparam com o sucesso dos outros. Quando se sentem bem sobre algo que fizeram, não vão deixar que comentários maldosos lhes tirem a alegria, pois quando se depende da opinião alheia, deixa-se de ser autor da própria felicidade.

Fonte: Escrito por Stael F. Pedrosa Metzger (escritora free-lancer, tradutora, desenhista e artesã, ama literatura clássica brasileira e filmes de ficção científica. É casada e mãe de dois filhos).

Continue Lendo

Trending