Geral

Produtora ‘Bom Som’ ajuda Miguel Buila a concretizar seus sonhos com novo disco

Considerado como sendo uma das vozes mais sonantes e impulsionadora da música gospel em Angola. Miguel Buila, não desiste dos seus sonhos e através da produtora BomSom, o músico irá disponibilizar o seu terceiro álbum de originais intitulado “Deus me consola”, a apresentação foi feita na noite desta quarta-feira (29), nas instalações da cede do Banco Económico em Luanda.

Ele é conhecido por acarretar um timbre inconfundível e invejável. Miguel Buila de 33 anos, natural do bairro Prenda em Luanda, emocionou-se ao falar de si, sua carreira e seu novo álbum: “Neste álbum, podem esperar um Miguel Buila com uma maturidade vocal mais acentuada, uma musicalidade diferente”.

O cantor que descobriu a vocação de cantor e compositor gospel desde muito cedo (adolescência), impulsionado pelo renovamento carismático católico, onde formou-se e tornou-se hoje Missionário, falou em exclusivo ao AngoRussia sobre a sua motivação e inspiração de vida.

“Jesus é sempre o meu primeiro inspirador, depois vem a minha mãe, os meus irmãos e os amigos que nunca se afastarão de mim, sempre encararam-me. Como pessoa, como gente e isto me motivou, além das histórias de vida das outras pessoas, tudo isto me motivou a fazer e a crer mais”, disse.

O autor do sucesso “Renova” disse que independentemente da sua condição física, consequência de uma paralisia infantil aos 4 anos, ainda acredita e sempre acreditou em Deus e nunca prestou atenção ao preconceito,“Deus me consola” chegou em uma fase certa da sua vida.

Casado e com dois filhos, Miguel Buila que está a formar-se em Línguas e Literatura Portuguesa na Faculdade de Letras da Universidade Agostinho Neto em Luanda, irá fazer a venda e autógrafos do seu terceiro álbum de originais intitulado “Deus me consola”, com participações de Yola Semedo, Kyaku Kyadaff, Tuapandula Singers, On Gospel, Lioth Cassoma e o Padre brasileiro Fábio de Mello,  nos dias 1 e 2 na Praça da Independência e Casa da Juventude, respectivamente, com total patrocínio do Banco Económico.

Para começar são cinco mil cópias, mas, a Directoral Geral da BomSom, Madlice Cordeiro acredita que serão reeditas mas cópias.

Tags
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button