Preto Show diz que K2 recebeu 400 mil Kwanzas para fazer música contra si

“2015 saí dos The Groove e até agora só estou a pipocar”

As entrevistas na rádio Cazenga, com DJ Kazuza, têm sido palco de muitas revelações, trazendo ao público assuntos antes desconhecidos pela maioria. Durante uma entrevista no programa “Fica em casa”, Benga Boy ou simplesmente Preto Show, fez saber que a ingratidão de muitos tornou-o um Homem maduro e com amizades selectivas.

“Por exemplo, existe um gajo chamado K2, que mora no Cazenga, uma pessoa que ajudei quando precisou, levei-o à produtora, paguei viagens, mas hoje lhe pagam 400 mil Kwanzas e faz uma música contra mim. São pessoas assim que quero afastar da minha rota, pessoas tóxicas, ingratas, sem posição nem caráter”, disse.

Apesar do suposto valor recebido para manchar o seu nome, Preto Show diz, ainda, que nada mudou em sua vida. “Coitadinho, há gajos que temos pena e queremos perdoar, mas não merecem ser levantados, pelo contrário, merecem ser pisados porque não têm dignidade nem caráter”, frisou.

Não obstante a tanto, Preto fala em perseguição. “Uma pessoa que veio do interior, andou e cresceu na rua, foi lavador de carros e vendia na praça, sem faculdade, fez sucesso e hoje dá palestras em faculdades e motiva outros jovens a crescer… essa pessoa é um alvo a abater. Neste momento, sou estrela e todos querem estar na minha posição, logo, sou o alvo”, destacou.

Para finalizar, o artista da Clé Entertainment diz, ainda, que vários são os cantores que estavam de férias e tiveram que falar de si para para terminarem as férias. “Em 2015, saí dos The Groove e até agora só estou a pipocar”, concluiu.

  • Adicione seu comentário