Angola

Ministro diz que FAA vão dar tratamento as ossadas de Jonas Savimbi

O ministro de Estado e chefe da Casa de Segurança do Presidente da República, Pedro Sebastião, anunciou, esta terça-feira, na sede municipal do Andulo, província do Bié, que os restos mortais de Jonas Savimbi foram colocados numa unidade militar nesta localidade, até que a família e o partido os vão resgatar.

Por outro lado assegurou  que se a família e o partido UNITA, não forem buscar, as Forças Armadas Angolanas  poderão dar outro destino para não permanecer com os restos mortais na referida unidade.

“Os restos mortais de Jonas Savimbi estão depositados numa unidade militar e quando os familiares ou a UNITA assim o entenderem devem resgatar. Esperamos que não seja muito tarde, porque a unidade não está vocacionada para esse tratamento”, observou.

Pedro Sebastião pede que acelerem no resgate das ossadas tendo lembrado que Jonas Savimbi, não deixou boas memórias para muita gente.

O impasse que a entrega dos restos mortais de Savimbi provocou teve inicio, na tarde de segunda-feira, entre a Casa de Segurança   e a família do malogrado alinhada a UNITA. O enterro estava previsto para o  dia 1 de Junho, porém, a Casa de Segurança decidiu que Savimbi deve ser enterrado nesta quarta-feira (29), alterando todo o programa das exéquias.

O local acordado para recepção das ossadas seria na cidade do Luena, onde Savimbi estava enterrado. A Casa de Segurança por sua vez decidiu entregar no Andulo, contrariando a agenda anterior.

A UNITA tem estado a acusar o governo de pretender retirar impacto das homenagens ao seu líder fundador, uma vez que chegam delegações do estrangeiro, para acompanhar o evento de perto.

Fonte: Club-k.net

 

Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button