Caminho de ferro entre Luanda e Malanje restabelecido

O Caminho-de-Ferro de Luanda (CFL) perdeu, nos últimos 45 dias, 92,5 milhões de kwanzas, em consequência do desabamento de um ponteco sobre o rio Camungo,(Cuanza-Norte) que provocou a interrupção da circulação do comboio entre as cidades de Nalatando e Malanje e sujeitou a empresa a despesas de reparação.

Fotografia: DR

A informação foi prestada à imprensa em Ndalatando, na segunda-feira, pelo presidente do Conselho de Administração do Caminho-de-Ferro de Luanda, Júlio Joaquim, em cerimónia que marcou a reposição do tráfego ferroviário entre as duas províncias.

A queda do ponteco, nas mediações do bairro 11 de Novembro, em Ndalatando, foi provocada por fortes chuvas que se abateram sobre a região, a 22 de Fevereiro. A sua reparação, de acordo Júlio Joaquim, custou à empresa 69,5 milhões de kwanzas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *