Cemitérios de Luanda sem movimento no Dia dos Finados

 

Numa altura em que o mundo assinala o Dia dos Finados, 2 de Novembro, os cemitérios da província de Luanda registaram, na manhã desta segunda-feira, falta de movimento e reduzida afluência de pessoas.

Na quarta-feira (28), o Governo da Província de Luanda informou, em comunicado, a suspensão de funerais, romarias aos cemitérios e actividades religiosas, para evitar a propagação da Covid-19.

O GPL justifica que a medida visa reter e controlar a transmissão da Covid-19, assim como preservar a vida das pessoas que habitualmente se deslocam aos cemitérios para homenagear os seus entes queridos já falecidos.

Actualmente, o país soma 11.035 casos confirmados de Covid-19, com 286 óbitos, 4.929 recuperados e 5.829 activos, sendo a província de Luanda o epicentro da pandemia em Angola.

Apesar da suspensão das actividades relacionadas ao Dia dos Finados, incluindo funerais, romarias aos cemitérios e actividades religiosas de massa ou similares, alguns cidadãos dirigiram-se a estes locais, mas sem sucesso.

  • Adicione seu comentário