Desporto

Benguela aprimora condições para recepção do CAN para amputados

O secretário-geral do Comité Paralímpico Angolano, António da Luz, disse, nesta cidade, que as autoridades da província de Benguela estão engajadas na criação das condições para albergar, de 30 de Setembro a 14 de Outubro, o Campeonato Africano de Futebol com muletas.

Benguela aprimora condições para recepção do CAN para amputados
Benguela aprimora condições para recepção do CAN para amputados

SECRETÁRIO-GERAL DO COMITÉ PARALÍMPICO ANGOLANO, ANTÓNIO DA LUZ.

FOTO: NELSON MALAMBA

Segundo o responsável, a cidade de Benguela possui as condições ideais para albergar a competição, pois, tem fácil acessibilidade e boas acomodações, além de recintos desportivos.

António da Luz disse que brevemente será constituída a comissão técnica para a preparação do campeonato, estando já confirmada a participação de 13 selecções, incluindo Angola.

A competição contará com a participação de Angola (anfitriã), Ghana, Nigéria, Libéria, Guiné-Bissau, Togo, Serra Leoa, Rwanda, Marrocos, Tanzânia, Costa do Marfim, Camarões e Quénia.

Na mesma senda, adiantou que o CPA está a trabalhar nos aspectos administrativos para recepção das equipas participantes, estando o lançamento oficial da prova agendado para o próximo mês de Julho.

Relativamente à selecção angolana, informou que 24 atletas estão pré-seleccionados e que as condições técnicas e logísticas estão a ser criadas para que trabalhem sem sobressaltos.

Já o chefe de departamento da Juventude e Desportos em Benguela, Júlio Paiva, disse que estão já a trabalhar junto as unidades hoteleiras e a seleccionar as infra-estruturas que poderão acolher os jogos.

“Nós, a partir do momento em que recebemos a petição do Comité Paralímpico Angolano, sobre a intenção de realização da prova africana na província de Benguela, tivemos a resposta positiva do governador Rui Falcão e estamos em condições de albergar esta prova”, disse o responsável.

Recordou que a província de Benguela tem experiência na organização de eventos desta natureza, acumulada com as várias provas como Afrobasket, Can de Andebol e de Futebol.

Júlio Paiva mostrou-se esperançado que o novo parque do campismo, cujas obras estão paralisadas, ainda possa vir a servir este evento.

Angop

Tags
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button