Economia

Toyota aberta para novos investimentos em Angola

O presidente do grupo japonês Toyota Tsusho Corporation, Ichiro Kashitani, manifestou ontem o interesse na abertura do investimento a outros sectores da economia angolana.

Toyota aberta para novos investimentos em Angola Ichiro Kashitani
Toyota aberta para novos investimentos em Angola Ichiro Kashitani

Ichiro Kashitani foi ontem à Cidade Alta
Fotografia: Francisco Bernardo | Edições Novembro

O responsável de um dos maiores fabricantes mundiais de automóvel fez esta revelação no final de uma audiência concedida pelo Presidente da República, João Lourenço.
Ichiro Kashitani avançou que o grupo Toyota está interessado em contribuir para o crescimento de Angola, não apenas no sector Automóvel, mas também nas áreas de Infra-estruturas e Energia, além de explorar outras possibilidades em que as empresas japonesas possam trazer novas tecnologias para o desenvolvimento integral do país.
O presidente da Toyota acrescentou que o interesse da companhia não tem simplesmente a ver com o desenvolvimento do sector empresarial, mas, também, com recursos humanos, concretamente no treinamento e formação multidisciplinar.
Ressaltou que o encontro com o Presidente João Lourenço foi “bastante produtivo e frutífero”, porque foram abordadas questões relacionadas com as “importantes oportunidades” que Angola oferece. Em relação ao domínio automóvel, a Toyota, disse, estuda a possibilidade de expandir as suas actividades, não apenas para a área da distribuição, em que já trabalha, mas também para trazer a Angola um novo serviço de tecnologia de conexão de viaturas, para a gestão de trânsito.
“Este é um projecto que já está a funcionar em outros países e esperamos ter a possibilidade de desenvolvê-lo em Angola e mesmo no continente africano”, argumentou.

Japão-África
O responsável informou que o Japão realiza, em Agosto deste ano, na cidade de Yokohama, a 7ª edição da Conferência Internacional para o Desenvolvimento de África, uma oportunidade para explorar novas áreas de apoio ao desenvolvimento.
“Acreditamos que poderia ser uma oportunidade para as indústrias angolanas explorarem questões que dizem respeito à economia e negócios. Isto iria agregar às empresas mais-valia”, frisou o gestor.
Para o presidente da Toyota, a visita a Angola tem, ainda, como objectivo constatar o projecto de reabilitação do Porto do Namibe, no Sul de Angola.
O projecto, segundo fez saber, está avaliado em 600 milhões de dólares e é apoiado e financiado pelo Governo do Japão.

JA

Tags
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button