EducaçãoGeral

Governador quer transparência na educação

Mbanza Kongo - O governador do Zaire, Pedro Makita Armando Júlia, destacou, nesta terça-feira, em Mbanza Kongo, a necessidade a ver transparência no processo de seleção dos candidatos ao concurso público de ingresso de novos professores.

Para este concurso público de admissão de novos professores no sector da educação, a província do Zaire foi contemplada com mil vagas. O sector controla 4.181 professores do I nível ao II ciclo do ensino secundário.

Ao intervir na cerimónia de encerramento da 10ª edição do concurso nacional das Olimpíadas de Matemática, o governador adiantou que devem ser admitidos docentes “sérios” e dotados de um vasto leque de conhecimentos que garanta qualidade ao processo de ensino e aprendizagem.

“Garanto que os termos de referência vão receber o merecido cumprimento, com rigor e lisura. Quem pretende ingressar na função pública, por intermédio desse concurso público, deve e tem de se preparar convenientemente”, reforçou.

De acordo com o governador, o desenvolvimento do país requer a participação de todos os seus filhos, nos mais variados domínios da vida política, social e económica, tendo, para isso, encorajado uma aposta na investigação científica.

Mostrar Mais

Bernardo Seculo

Escritor e Editor de Noticias no site Angola Nossa.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button