UEFA ABRE PROCESSO DISCIPLINAR A NEYMAR POR CRÍTICAS À ARBITRAGEM

Extremo criticou a arbitragem na partida entre o PSG e o Manchester United.
UEFA abre processo disciplinar a Neymar por críticas à arbitragem
Neymar, avançado brasileiro do PSG. EPA/YOAN VALAT Lusa

A UEFA confirmou, esta sexta-feira, a abertura de um processo disciplinar a Neymar, jogador do Paris Saint-Germain, depois das críticas à arbitragem no final do encontro entre o PSG e o Manchester United a contar para a Liga dos Campeões.

No site da UEFA, o organismo justifica a ação depois do jogador ter “insultado / molestar o árbitro do encontro “, depois da partida.

Neymar na altura não poupou críticas à arbitragem do encontro nas redes sociais: “Isso é uma vergonha! Ainda colocam quatro caras que não entendem de futebol para ficar olhando lance em câmara lenta… Isso não existe! Como o cara vai colocar a mão de costas? Ah vá pra pqp!”

O passo de hoje da UEFA é o seguimento lógico do inquérito aberto em 13 de março, só que agora enquadrando os factos no artigo 15.d do seu código disciplinar, pelo que o jogador incorre numa pena de pelo menos três jogos por insultar um árbitro.

Existe uma jurisprudência pouco clemente para esta matéria nas instânciais disciplinares, a partir de um outro jogador do PSG – em março de 2015, Serge Aurier foi o primeiro jogador castigado por palavras nas redes socias, neste caso o Facebook.

Recorde-se que o United acabou por ultrapassar a eliminatória frente ao PSG, após um penalti polémico que garantiu a passagem aos quartos de final da Champions.

SAPO

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *