AngolaNotícias

Escassez de investigadores é um obstáculo ao progresso

A escassez de investigadores e de financiamento são os principais obstáculos à investigação científica em Angola, afirmou hoje, em Lisboa (Portugal), a ministra do Ensino Superior, Ciência, Tecnologia e Inovação.

Fotografia: Mota Ambrósio

Maria do Rosário Sambo falava durante a abertura da Semana da Ciência Portugal-Angola, que decorre desde ontem nas cidades de Lisboa, Porto e Bragança.
A semana da Ciência consta da declaração de intenções no domínio do Ensino Superior, Ciência e Tecnologia e Inovação, assinada em Novembro de 2018 aquando da visita do Presidente da República, João Lourenço,  Portugal, e destina-se a materializar os acordos.

Tags
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button