Internacional

Carne sul-africana proibida em Moçambique

O Ministério da Agricultura e Segurança Alimentar mo-çambicano proibiu a importação de produtos de origem animal da África do Sul, de-vido à eclosão da febre aftosa naquele país.

“A Direcção Nacional de Veterinária do Ministério da Agricultura e Segurança Alimentar determina a interdição de importação de animais das espécies bovinas, caprina, ovina, suína, seus produtos e sub-produtos do território sul-africano”, lê-se num comunicado.
A excepção à proibição é para produtos que tenham sido devidamente tratados para a inactivação da febre, tais como produtos lácteos pasteurizados, carnes processadas a calor, troféus, peles e pêlos, acrescenta a nota. A febre aftosa foi reportada no dia 07 de Janeiro de 2019  na República da África do Sul. As autoridades mo-çambicanas vão reforçar a fiscalização de produtos e sub-produtos de origem animal, conclui.
No ano passado, o Gover-no moçambicano impôs a proibição da circulação de produtos de origem ani-mal, devido à eclosão de fe-bre aftosa.

Tags
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button