Internacional

Michel Temer é o sexto Presidente preso no Brasil

Com a detenção ontem de Michel Temer, contam-se seis os ex-Presidentes presos na História do Brasil. Antes de Temer foi preso Lula da Silva, que se encontra a cumprir uma pena de 12 anos e 11 meses numa prisão de Curitiba.

Fotografia: DR

Antes de Lula e Temer, o marechal Hermes Fonseca, que exerceu o cargo entre 1910 e 1914, foi preso em 1922, acusado de conspiração no levantamento militar conhecido como a “Revolta dos 18 do Forte de Copacabana”. Ficou seis meses preso, saindo em liberdade por o tribunal ter aceite o habeas corpus.
Outro ex-Presidente preso foi Washington Luís. Dirigia o país em 1930 quando foi deposto pela Revolução do mesmo ano e depois da prisão obrigado a exilar-se na Europa com a família.
Arthur Bernardes, que foi Presidente do Brasil entre 1922 e 1926, foi preso em 1932 por participar da Revolução Constitucionalista. Juscelino Kubitschek, Presidente entre 1956 e 1961, foi preso em 1968, durante o regime militar. Esteve detido durante alguns dias numa prisão militar e depois ficou em prisão domiciliária. Além das detenções dos seis ex-Presidentes, o Brasil também tem um histórico de destituição dos Presidentes Collor de Mello (1992) e Dilma Rousseff (2016).
Michel Temer e o ex-ministro Moreira Franco foram ontem presos a pedido dos investigadores da Operação Lava Jato do Rio de Janeiro. Trata-se de um mandado de prisão preventiva expedido pelo juiz Marcelo Bretas, responsável pelo processo Lava Jato no Rio de Janeiro.
Temer assumiu a presidência do Brasil depois da destituição de Dilma Rousseff. A rádio CBN conseguiu falar ontem com Temer quando já estava com a Polícia Federal e indignado resumiu: “É uma barbaridade.”

JA

Tags
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button