Internacional

Mutirão do emprego reúne multidão no Vale do Anhangabaú, em SP Brasil

Segundo a Prefeitura, serão oferecidas mais de 6 mil vagas de emprego para segmentos como telemarketing, operador de caixa, atendente e vendedor

O Mutirão do Emprego, organizado pela Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Trabalho e o Sindicato dos Comerciários, na manhã desta terça-feira (26) reúne uma multidão desde às 7h30, no Vale do Anhangabaú, no centro de São Paulo. De acordo com a Prefeitura, serão oferecidas mais de 6 mil vagas de emprego para diversos segmentos como telemarketing, operador de caixa, atendente e vendedor de loja.

Veja também: Com chuva, milhares de pessoas fazem fila em busca de emprego

Das vagas oferecidas, 1.179 serão para operador de telemarketing, mil para operador de loja, 200 para operador de supermercado e 10 senhas distribuídas. De acordo com informações da Record TV, a primeira pessoa chegou na fila às 9h da manhã da segunda-feira (25)

A ação faz parte da parceria que será firmada entre a Prefeitura de São Paulo e o Sindicato dos Comerciários na sede da Prefeitura. O prefeito Bruno Covas e o presidente da União Geral dos Trabalhadores, Ricardo Patah, participarão do mutirão.

“Essa união tem um único objetivo, oferecer à população uma oportunidade de reconquistar sua posição no mercado de trabalho. Com a diversidade de vagas oferecidas, os interessados podem se candidatar a uma oportunidade em que já têm experiência ou até mesmo para uma nova área de atuação”, afirmou Aline Cardoso, secretária de Desenvolvimento Econômico e Trabalho.

No primeiro dia do mutirão, explica a Prefeitura, serão distribuídas as senhas para os quatro dias de evento. Apenas as pessoas que tiverem senha serão atendidas. O mutirão ocorre entre os dias 26 e 29 de março no prédio do Sindicato dos Comerciários, localizado na Rua Formosa. Para se candidatar a uma vaga de emprego, é necessário levar RG, CPF, carteira de trabalho e currículo impresso.

R7

Tags
Mostrar Mais

Ernesto

Escritor e Editor de Noticias no site Angola Nossa.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button