DestaqueJustiça

Álvaro Sobrinho diz que não e estranha ser notificado por um edital de processo do BES mau

O antigo presidente do BES Angola rejeita que esteja em parte incerta. Foi por um edital, publicado num jornal angolano, que foi notificado do prazo para contestar o pedido de condenação feito pela comissão liquidação do Banco Espírito Santo

Álvaro Sobrinho diz que não e estranha ser notificado por um edital de processo do BES mau
Álvaro Sobrinho diz que não e estranha ser notificado por um edital de processo do BES mau

© Foto Luís Barra Expresso

O ex-presidente da comissão executiva do Banco Espírito Santo Angola (BESA),, Álvaro Sobrinho, manifestou hoje estranheza por ser notificado através de um edital num jornal para contestar o pedido de condenação interposto pelo banco que detém os ativos tóxicos do BES.

Em causa está um edital do Tribunal Provincial de Luanda, publicado segunda-feira pelo Jornal de Angola, que dá até 50 dias à empresa e aos sócios angolanos do extinto BESA para contestar o pedido de condenação que decorre naquela instância judicial.

Hoje, num comunicado a que a agência Lusa teve acesso, Álvaro Sobrinho lembrou que foi citado pelo Tribunal Provincial de Luanda a 17 de abril de 2017 na sua residência “conhecida” em Angola para contestar os autos a que se refere o edital, o que diz ter cumprido a 07 de maio de 2017, dentro do prazo que lhe foi fixado.

Segundo Álvaro Sobrinho, que não faz qualquer comentário ao processo em causa, a citação por edital só tem lugar quando os citados se encontram em parte incerta e ainda quando sejam incertas as pessoas a citar, o que no seu caso é “falso”, mesmo à luz da contestação apresentada em maio de 2017.

“É falsa a referência constante do edital quanto ao domicílio em parte incerta de Álvaro Sobrinho, além de perturbadora quanto à finalidade tida em vista por tal citação por edital, porque contraditória com a anteriormente realizada para o seu domicílio e à que já deu cumprimento, há cerca de um ano”, refere a nota do antigo presidente da Comissão Executiva do BESA.

MSN

 

Tags
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button