Mais de mil antigos combates e assistidos realizam prova de vida

Pelo menos mil e cinquenta antigos combates e veteranos da pátria e assistidos, as viúvas, órfão de guerra e deficientes físicos, efectuaram já as suas provas de vida, no período de Janeiro a Fevereiro do ano em curso.

A informação foi avançada segunda-feira, nesta cidade, pelo chefe do departamento  do gabinete provincial  dos antigos combatentes  e veterano da pátria, Avito Sebastião, tendo salientado que o processo continua a decorrer para um número de assistidos bastante reduzido que ainda não efectuaram a sua prova de vida.

O responsável lamentou o valor que os assistidos ainda recebem como pensão, no tecto de 19 mil kwanzas, o que segundo ele não tem ajudado nada na melhoria de vida desta franja da sociedade, no que tange ao sustento das suas famílias.

Garantiu que o governo da província do Namibe tem apoiados os antigos combatentes e veteranos da pátria, órfãos, viúvas, deficientes físicos, entre outros, institucionalmente, com destaque para acesso a saúde, educação, energia, água, habitação, entre outros serviços.

“O que pretendemos é a regulamentação da lei número 13 para darmos solução aos actuais problemas que os nossos assistidos ainda vivem”, acrescentou.

A direcção do gabinete provincial dos antigos combatentes  e veteranos da pátria controla  actualmente mil e quatrocentos e noventa assistidos, entre as crianças órfãos, mulher viúva, deficientes físicos, antigos combates e veterano da partia em toda extensão da província.

Angop.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *