Política

Covid-19: Paulo de Almeida exorta reforço da vigilância

Uíge- O Comandante-Geral da Polícia Nacional, comissário-geral Paulo de Almeida, exortou hoje (sexta-feira), no município de Maquela de Zombo, província do Uíge, os efectivos da Polícia de Guarda de Fronteiras (PGF) a reforçarem a vigilância no combate à imigração ilegal na fronteira entre a província do Uíge e a República Democrática do Congo (RDC), no âmbito das medidas de prevenção e combate a covid-19.

Paulo de Almeida, que falava no final duma visita de três dias à província do Uíge, admitiu que existe o engajamento total dos efectivos da corporação, sociedade, população e das autoridades tradicionais no sentido de todos reunirem esforços na prevenção da doença.

“Não existem registos de casos que possam preocupar a segurança pública e a segurança nacional ao longo desta fronteira. Saio daqui satisfeito, apesar das condições difíceis em que os nossos efectivos trabalham”, disse o Comandante-Geral da Polícia Nacional.

Apontou a insuficiência de efectivos da PGF e de meios materiais, como sendo os que prejudicam o bom desempenho das forças ao longo da fronteira.

Na ocasião, considerou a necessidade da população continuar a primar pela prevenção da pandemia.

O Comandante-Geral da Polícia Nacional, comissário-geral Paulo de Almeida, que se fez acompanhar dos responsáveis da PGF e dos Serviços de Migração e Estrangeiros, visitou as fronteiras terrestres de Malele e de Kimbata, no municípios de Maquela do Zombo, tendo manifestado satisfação com a prontidão das forças.

Tags
Mostrar Mais

Bernardo Seculo

Jovem Empreendedor , Sonhador , Estudante Do Curso de Técnico De Informática, Escritor e Editor de Noticias no site Angola Nossa.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button