Saúde

Huíla ganha aplicativo para cadastrar dadores de sangue

Lubango - Um aplicativo informático denominado "Sangue e Vida" destinado a cadastrar dadores foi apresentando, nesta terça-feira, no Hospital Pediátrico do Lubango, por um grupo de jovens da empresa de tecnologias Make More Tics.

O aplicativo foi lançado por ocasião do 12 de Maio, Dia Internacional do Enfermeiro.

Falando à imprensa, à margem do lançamento do respectivo aplicativo, o seu criador, José João, afirmou que, tecnicamente, o projecto Sangue e Vida vai permitir que se consiga doar e receber sangue sem buracracia.

Trata-se, de acordo com a fonte, de um processo pratico e simples para adesão tecnológica do aplicativo, desde que o interessado consiga baixar, colocando o seu nome e da cidade do país em que reside, grupo sanguíneo e o número de telefone para facilitar o contacto através de mensagem ou de chamadas dos necessitados.

O sistema vai, igualmente, possibilitar o controlo da pessoa, em cada três meses, se doou ou não o produto, bem como rastrear o perfil do dador e automaticamente o período que deu ou não.

Já a directora-geral do hospital pediátrico, Florinda Helena Miranda, destacou a importância do aplicativo informático como sendo uma mais-valia pois facilita a criação de um grupo de dadores fidelizados e melhorar o processo de transfusão de sangue para os casos de malária, anemia e acidentes.

Sublinhou que se trata de uma ferramenta essencial, tendo em conta que após o cadastramento do indivíduo, quando for necessário, será muito fácil de o localizar, configurando-se numa base dados.

O centro de hemoterapia do hospital Pediátrico do Lubango é composto por três geleiras de armazenamento, cada uma com 500 bolsas, correspondentes a 1.500 bolsas/dia no geral.

Actualmente dispõe de 1.200 bolsas,  40  das quais oferecidas segunda-feira por uma organização social juvenil da Huíla.

Neste momento o hospital tem internados 220 pacientes com patologias diversas como doenças diarreicas agudas (DDA’s) , respiratórias agudas (DRAs), e a malária. Tem 56 crianças malnutridas.

Tags
Mostrar Mais

Bernardo Seculo

Jovem Empreendedor , Sonhador , Estudante Do Curso de Técnico De Informática, Escritor e Editor de Noticias no site Angola Nossa.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button