Saúde

Vacina contra pólio abrange mais de 300 crianças no Zaire

Mbanza Kongo- Trezentas e dezanove mil e 917 crianças, dos zero aos cinco anos de idade, começaram a ser vacinadas contra a poliomielite hoje, sexta-feira, na província do Zaire.

Nesta campanha de âmbito nacional, que termina domingo (09), estão envolvidas na província do Zaire 470 equipas, integradas por técnicos de saúde e mobilizadores sociais.

Em declarações à imprensa, na cerimónia da abertura da campanha, o director provincial do Gabinete da Saúde do Zaire, João Paulo, disse que a circunscrição registou dois casos positivos de poliomielite, no último semestre de 2019, nos municípios do Tomboco e Cuimba, por isso realçou a importância da vacinação dos menores.

Esta campanha, frisou, surge para contenção do vírus causador da poliomielite na região, em particular, e do país, em geral.

Informou que nas localidades da Pedra de Feitiço, no município do Soyo, Serra de Canda e Buela, (Cuimba) e Quindege (Nzeto), os técnicos vão fazer recurso a meios aquáticos e motociclos para vacinarem os menores daquelas zonas, por serem de difícil acesso.

Por sua vez, o governador da província do Zaire, Pedro Júlia, encorajou os brigadistas a primarem pela responsabilidade, dedicação e espírito de missão no sentido de se atingir os objectivos preconizados.

Moxico

Luena – A primeira ronda da campanha de vacinação contra a poliomielite do “tipo 02”, que começou hoje, vai abranger sete, dos nove, municípios da província do Moxico.

Esse facto foi avançado pelo chefe de Departamento Provincial de Saúde Pública do Moxico, Baldé Barnabé, quando discursava na cerimónia de lançamento da campanha, realizada na cidade do Luena.

Esclareceu que os dois municípios (Luau e Camanongue) estão de fora nesta fase, por terem sido já beneficiados com uma campanha de vacinação do género em Dezembro de 2019.

Referiu que a campanha vai contar com apoio de meios de transporte e efectivos das Forças Armadas Angolanas (FAA) e da Polícia Nacional para se vacinar os menores que vivem em locais de difícil acesso.

Salientou que existem mil 458 técnicos, entre vacinadores, mobilizadores e registadores, que vão se desdobrar pelas regiões contempladas no programa de vacinação.

Na ocasião, o governador da província do Moxico, Gonçalves Muandumba, incentivou os técnicos envolvidos na campanha a realizarem o trabalho com zelo, dedicação e empenho.

A campanha de vacinação contra a pólio vai abranger os municípios do Luacano, Alto Zambeze, Moxico , Léua, Cameia, Luchazes e Bundas, onde se prevê imunizar quatro mil e 240 crianças, dos zeros aos cinco anos de idade.

Cabinda

Cabinda – Cento e sessenta e duas mil e 550 crianças, dos zero aos cinco anos de idade, estão a ser vacinadas contra poliomielite de tipo-2, na província de Cabinda, num processo iniciado hoje, sexta-feira, e que vai decorrer até domingo.

Estão mobilizados para esta actividade 543 equipas de técnicos, entre vacinadores, mobilizadores e catalogadores, estão disponíveis mais de 190 mil doses da vacina, para serem administradas aos menores dos quatro municípios da província de Cabinda.

O vice-governador provincial para sector Técnico e Infra-estruturas de Cabinda, Joaquim Maliche, orientou o acto de lançamento da campanha, realizado na aldeia de Subantando, município de Cabinda.

A poliomielite é uma doença contagiosa, causada por um vírus que ataca o sistema nervoso e pode provocar paralisia nas pernas e nos braços das crianças.

A doença é transmitida quando o vírus da pólio quando entra em contacto com a boca de uma criança, por meio da água, alimentos ou mãos sujas.

Tags
Mostrar Mais

Bernardo Seculo

Jovem Empreendedor , Sonhador , Estudante Do Curso de Técnico De Informática, Escritor e Editor de Noticias no site Angola Nossa.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button