Sociedade

Fornecimento de energia volta ao normal

O fornecimento de energia às províncias de Luanda, Malanje, Cuanza Norte e Sul e Uíge já a está a ser normalizada, depois do corte geral registado às 20 horas de sexta-feira, informou hoje (sábado) a Rede Nacional de Transporte (RNT).

Na sequência das informações sobre o apagão, que afectou afinal cinco províncias, incluindo Luanda, a empresa deu a conhecer, através da página no Facebook do Ministério da Energia e Águas (Minea), que a reposição do fornecimento está sendo normalizada e decorrem trabalhos de pesquisa para se determinar a causa do corte para posterior intervenção, bem como das áreas onde ainda se observa a falta de energia.

Na nota de imprensa publicada a uma hora da madrugada, a RNT reitera que desconhece até agora “as causas do desligamento intempestivo  de todas as centrais de produção, linhas e sistemas  de transportes ocorrido as 20 horas de sexta-feira e pede desculpas  a todos consumidores afectados e população em geral pelo evento”.

A Rede de Transporte de Electricidade Angolana está composta por três sistemas independentes Norte, Centro e Sul, repartidos em 5 níveis de tensão, com 31 linhas de transporte nos diferentes níveis de tensão, nomeadamente  400 kV,220 kV,150 KV,132 KV e 110 kV, numa extensão de 2.628 km e um parque eléctrico formado por 20 subestações, com uma potência instalada de 2.694 MVA.

A Empresa Pública, Rede Nacional de Transporte de Electricidade (RNT, EP), foi criada no âmbito do Programa de Transformação do Sector Eléctrico (PTSE), sob o Decreto Presidencial 305/14 de 20 de Novembro.

Tags
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button