Sociedade

Governador de Luanda realça heróis do 23 de Março

O governador provincial de Luanda, Sérgio Luther Rescova, disse nesta quinta-feira, que a efeméride do 23 de Março deve ser comemorada sob o símbolo da paz, integridade da soberania nacional e reforço do patriotismo.

Fonte: Angop

Explicou que homenagear os heróis da Batalha do Cuito Cuanavale deve ser permanente porque, como jovens da altura, muitos destes heróis deram suas vidas para que hoje se tenha um país soberano e conduzido livremente pelos angolanos.

O governador falava durante uma palestra no âmbito da celebração do 23 de Março, Dia da Libertação da África Austral, que surge para assinalar a vitória das tropas angolanas na batalha do Cuito Cuanavale, ocorrida entre 15 de novembro de 1987 e 23 de março de 1988, na província do Cuando Cubango

“Trinta e dois anos depois, estamos todos orgulhosos daquilo que foi o empenho abnegado de angolanos das variadas províncias, que juntaram-se na região do Cuando Cubango para um acto heroico de dimensão internacional”, referiu.

Disse ser necessário em momentos como este realçar também a solidariedade internacional que Angola teve para enfrentar com heroísmo esta batalha, a exemplo de Cuba, Russia e outros, que deram o seu contributo para o sucesso da vitória que permitiu a libertação da Namíbia e África do Sul.

O tenente-general Fernando Amândio Mateus, um dos protagonistas da Batalha do Cuito Cuanavale, disse que na altura estavam na fase inicial da organizção das forças armadas de um país com quadros recentes vindos de academias de várias partes do mundo, muito dos quais pela primeira vez em combates reais no terreno.

 

No seu entender, o espírito patriótico dos combatentes levou com que chegassem ao fim de 1988 com a libertação da região, o que permite hoje a livre circulação de pessoas e bens na África Austral, garantia de paz e desenvolvimento económico dos países da região.

 

O também preletor do encontro defendeu a necessidade da transmissão da história às novas gerações, desde a idade do ensino primário até as universidades.

Tags
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button