GeralSociedade

Governo realoja 28 famílias no Sumbe

Sumbe - Vinte e oito famílias que residiam em casas precárias, nos arredores da Centralidade da Quibaúla, município do Sumbe, serão realojadas pelo Governo do Cuanza Sul.

Para o efeito, está localizado o espaço em que serão construídas mais de 28 residências e a partir da segunda quinzena do corrente mês inicia a preparação do terreno.

Por está altura, segundo o administrador municipal do Sumbe, Adão da Silva Pereira, que falava à imprensa no final de uma visita de constatação do governador Job Capapinha a centralidade, decorrem acções de identificação e cadastro dos moradores.

A intenção do Governo é, essencialmente, melhorar as condições habitacionais das famílias, visto que vivem em casas de chapas e adobes”, rematou.

A centralidade da Quibaúla, que começou a ser construída em 2012, possui 2.010 imóveis, com 156 lojas, 213 moradias simples, 393 duplex com dois pisos e mil e 404 apartamentos de tipologia  T3, três escolas, duas escolas e um centro de saúde.

Já na comunidade do Cuacra, cerca de 20 quilómetros a nordeste da cidade do Sumbe, o governador visitou um projecto habitacional onde estão a ser erguidas mil e 700 casas para realojar cidadãos que vivem nas encostas e zonas de risco.

Neste projecto,  estão já concluídas 500 casas prestes a serem entregues aos primeiros beneficiários.

Este projecto está orçado mais de 186 milhões de dólares norte-americanos e a sua construção iniciou em 2018.

Mostrar Mais

Bernardo Seculo

Escritor e Editor de Noticias no site Angola Nossa.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button