Sociedade

Mais de 200 efectivos dos bombeiros em formação

Luanda - O Ministério do Interior pretende formar técnicos médios na especialidade de protecção civil e bombeiros disse, hoje (terça-feira) em Luanda, o secretário de Estado para o Asseguramento Técnico do Ministério do Interior, Salvador Rodrigues.

O responsável falava no acto de abertura do ano de Instrução, Preparação Operativa e  Patriótica 2020 que decorreu na Escola Nacional dos Bombeiros, no município de Viana.

Salvador Rodrigues referiu que a preocupação do Ministério do Interior é a conclusão das obras da Escola Técnica de Bombeiros na Baia Farta, em Benguela, para que o curso aconteça.

Segundo o secretário de Estado, a formação de  técnicos médios na especialidade de Protecção Civil e Bombeiros em Benguela evitaria o desperdício de recursos financeiros no exterior do país

Por sua vez, o Comandante Nacional dos bombeiros, comissário bombeiro principal, Bênção Mateus, afirmou para este ano a  instrução  vai estar ligada a formação na  prevenção e extinção de incêndios, resgate e salvamento, atendimento pré hospitalar, intervenção de calamidades naturais, bem como ao regulamento de continência e cerimónia militar.

Aos formandos, o comandante exortou maior empenho, dedicação e disciplina durante a acção formativa para que no final do curso possam terminar com êxitos.

O curso de sapador, investigação de causas e extinção de incêndios, assistência pré hospitalar, resgate e salvamento, conta com 266 efectivos do Serviço de Protecção Civil e Bombeiros ( SPCB) e da Força Área, tem   duração de três meses.

Tags
Mostrar Mais

Bernardo Seculo

Jovem Empreendedor , Sonhador , Estudante Do Curso de Técnico De Informática, Escritor e Editor de Noticias no site Angola Nossa.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button