Sociedade

Polícia investiga morte de moto-taxista baleado em assalto na Catumbela

Lobito - A morte do moto-taxista Francisco Dumbo, de 24 anos, baleado com dois tiros no peito e um numa das pernas durante uma tentativa de assalto, ocorrida quarta-feira última no bairro Alto Niva, arredores do município da Catumbela, em Benguela, está a ser investigada pelas autoridades policiais, soube hoje a Angop.

O crime ocorreu por volta das 18h00 de quarta-feira (13), quando a vítima conduzia uma motorizada nova de marca Bosch no bairro Alto Niva e, após reagir a um assalto no momento em que deixava uma passageira em casa desta, foi alvejado por disparos de arma de fogo na perna e depois no peito, acabando por falecer no local.

Falando hoje à Angop, o porta-voz do Serviço de Investigação Criminal na província de Benguela, Victorino Kotingo, confirmou a morte do referido cidadão, na sequência de um assalto com recurso a arma de fogo que alegadamente tinha como alvo a motorizada, na qual a vítima se fazia transportar em serviço de moto-táxi.

Victorino Kotingo referiu que, embora não haja ainda detidos, as investigações continuam no sentido de identificar os autores dos disparos com arma de fogo e levá-los à justiça, para serem responsabilidades pelo homicídio do moto-taxista.

O porta-voz do SIC aproveitou a oportunidade para aconselhar a população a não reagir em caso de assalto, principalmente envolvendo arma de fogo, como forma de evitar mortes.

Por sua vez, o soba do bairro Alto Niva, Luís Kandeja, relatou que casos de assaltos com recurso a arma de fogo são frequentes naquela área, por isso pediu ao Comando Municipal da Polícia Nacional na Catumbela que redobre o patrulhamento.

Esta autoridade tradicional reclamou da falta de segurança no bairro, dada a inexistência de uma esquadra móvel, o que, para ele, faz com que os marginais acompanhem o movimento de moradores, sobretudo os moto-taxistas ou aqueles que transportam pastas com haveres.

Para o soba, as autoridades policiais, quando contactadas pela comunidade para intervir em casos de assaltos, tardam quase sempre a responder e isso facilita o cometimento dos crimes e até a fuga dos marginais.

Luís Kandeja espera que o bairro do Alto Niva venha a ser contemplado com o programa de redimensionamento de esquadras, anunciado pela Polícia Nacional em Benguela, numa altura em que a comunidade já preparou um terreno para a implantação dos serviços policiais.

Uma testemunha relatou à Angop que Francisco Dumbo teria sido solicitado por uma estudante que a levasse da escola para casa, quando ao chegar ao destino foi abordado por dois jovens meliantes que se faziam transportar igualmente numa motorizada, usando uniforme escolar, e que anunciaram o assalto.

De acordo com a mesma fonte, o moto-taxista teria oferecido resistência e foi alvejado primeiro na perna, acabando por ser baleado com dois tiros no peito, tendo provocado morte imediata.

Após o sucedido, os dois suspeitos puseram-se em fuga deixando a motorizada da vítima no local do crime.

Tags
Mostrar Mais

Bernardo Seculo

Escritor e Editor de Noticias no site Angola Nossa.

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button