Sociedade

Recém-fomados são inseridos em empresas

Pelo menos 40 jovens dos 3.526 formados nos centros de formação profissional dos municípios de Cacolo e Saurimo, província da Lunda-Sul, no primeiro trimestre deste ano, foram já inseridos em várias empresas públicas e privadas.

Recém-fomados são inseridos em empresas
Recém-fomados são inseridos em empresas

Dezenas de jovens foram empregados na Lunda-Sul

Segundo o chefe dos serviços provinciais do Instituto Nacional de Emprego e Formação Profissional (INEFOP), Rufino Quembo, a maior parte dos jovens que conseguiram o primeiro emprego são mulheres . Os jovens foram formados em serralharia, corte e costura e construção civil.
Rufino Quembo acrescentou que no presente ciclo de formação profissional foram matriculados 1.937 jovens e que o INEFOP trabalha com o Governo, para definir políticas que visam a inserção dos jovens no mercado de trabalho.
Rufino Quembo sublinhou que o INEFOP aposta na formação contínua e em negociações com as empresas para permitir a realização de estágios, apesar de apontar dificuldades na aquisição de alguns equipamentos para facilitar as aulas práticas.
O jovem Francisco Sapalo, 27 anos, que conseguiu o seu primeiro emprego numa das casas fotocopiadoras de cidadãos de nacionalidade chinesa, há dois meses, explicou que com o trabalho que realiza diariamente ganha 15 mil kwanzas por mês, com o qual compra material escolar dos irmãos satisfas algumas necessidades de casa.

JA

Tags
Mostrar Mais

Artigos Relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Back to top button